Camões

Centro de Língua Portuguesa


Cidade da Praia - Cabo Verde

[1999 - 2020]

CEDEAO: Oficial De Pesquisa & Mercados

[fluência oral e escrita em uma das línguas oficiais da Comunidade da CEDEAO (inglês, francês & português). O conhecimento de um segundo idioma será uma vantagem adicional]

 

SÍNTESE DA FUNÇÃO

O Oficial de Programa de Pesquisa e Mercados tem a responsabilidade pela gestão da pesquisa diária e análise de mercados na Divisão.

 

FUNÇÕES E RESPONSABILIDADES

· Realizar pesquisas e diagnósticos de restrições de concorrência de mercado a nível do setor ou indústria, através; concorrência, ferramentas de avaliação rápida e indicadores padrões de concorrência e aplicação de ferramentas analíticas quantitativas e qualitativas para avaliar questões de concorrência na região;

·         Implementar regulamentos de mercado pró-concorrência e programas e iniciativas relevantes, incluindo assistência técnica em política de concorrência, por meio de consultoria técnica, diálogo sobre políticas e apoio aos países clientes;

·         Auxiliar o Oficial Principal a integrar os princípios da política de concorrência nos programas e investimentos do setor privado da CEDEAO, para permitir uma participação eficiente e evitar distorções no campo de atuação;

·         Apoiar e gerir projetos com componentes da política de concorrência, com foco na remoção de restrições específicas do setor ao desenvolvimento da concorrência nos setores envolvidos (por exemplo, agronegócio, infraestrutura, finanças);

·         Contribuir para o desenvolvimento de parcerias de colaboração com parceiros externos envolvidos na promoção da concorrência na região e contribuir para uma estratégia coerente entre as equipas, para o benefício da região;

·         Contribuir para o desenvolvimento de indicadores de monitorização e avaliação para intervenções de concorrência, bem como analisar o impacto de intervenções de política de concorrência.  Isso inclui assessorar colegas regionais e setoriais sobre a dimensão da concorrência de seus programas de reforma e garantir que os problemas da concorrência sejam adequadamente capturados pelos sistemas de M&A específicos do produto.

·         Pesquisar, coletar e compilar dados/informações;

·         Manter e atualizar bancos de dados económicos quantitativos e qualitativos;

·         Processar, consolidar e transformar conjuntos de dados entre bancos de dados, usando técnicas estatísticas e/ou econométricas;

·         Avaliar relações económicas, financeiras ou estatísticas em bancos de dados;

·         Analisar dados de séries cronológicas económicas;

·         Auxiliar na análise económica rigorosa de dados/informações;

·         Auxiliar na administração de execução de atividades para capacitação no que diz respeito à economia da concorrência.

·         Auxiliar em quaisquer outras tarefas que possam ser atribuídas pelo supervisor.

 

QUALIFICAÇÕES ACADÉMICAS E EXPERIÊNCIA

· Licenciatura ou equivalente em Economia, Estatística ou qualquer área de estudo relacionada, obtida de uma universidade reconhecida;

· 5 anos de experiência em pesquisa e estatística, gestão e divulgação de dados;

· conhecimento de técnicas de pesquisa terminológica e de referência com capacidade para utilizar todas as fontes de referência e informação para realizar pesquisas complexas e analisar dados;

·  conhecimento de metodologias de gestão de dados e harmonização estatística;

· conhecimento da conceção e implementação de sistemas informáticos e softwares de divulgação de dados e bases de dados;

· O conhecimento e a compreensão da finalidade e dos objetivos da Lei da Concorrência, da Comissão de Concorrência e da economia da África Ocidental são altamente recomendados;

· conhecimento no uso de métodos e programas estatísticos e econométricos para pesquisa de desenvolvimento económico e capacidade de integrar metodologias multidisciplinares;

· conhecimento em metodologia de pesquisa macroeconómica, bem como na elaboração e gestão de projetos de pesquisa, concetualização e publicação;

· conhecimento de questões e políticas de desenvolvimento económico dos países da África Ocidental e disponibilidade de publicações profissionais

· capacidade de aplicar métodos estatísticos à coleta e gestão de informações.

 

LIMITE DE IDADE

Ter menos de 50 anos. Esta disposição não se aplica a candidatos internos.

 

PRINCIPAIS COMPETÊNCIAS NA CEDEAO

·    Capacidade de persuadir/influenciar os outros a considerar um certo ponto de vista, adotar uma nova ideia ou implementar novos métodos e práticas;

·    capacidade de liderar uma equipa de estagiários/funcionários juniores e incutir um espírito de trabalho em equipa para envolver os funcionários e alcançar um conjunto bem-definido de atividades;

·    capacidade de respeitar a cadeia de comando de maneira apropriada;

·    capacidade de resolver desafios que ocorrem, com orientação mínima, e/ou recomendar e explicar soluções ou alternativas para aprovação;

·    capacidade de utilizar o Código de Ética para gerir a si próprio, outras pessoas, informações e recursos;

·    capacidade de orientar os outros e criar trocas de feedback com supervisores, colegas e subordinados para construir fortes relações de trabalho e melhorar o desempenho.

·    contribuir para manter os objetivos e padrões de desempenho da unidade organizacional.

·    competências interpessoais com capacidade de manter um cliente informado sobre o progresso ou contratempos em projetos, que são relevantes para o cronograma, qualidade e quantidade;

capacidade de interagir de forma pró-ativa com os clientes e construir fortes relações de confiança com base no respeito mútuo e discussões regulares;

·    capacidade de estabelecer e manter a credibilidade profissional com os clientes/interessados de forma a antecipar as suas necessidades, mitigar os problemas e equilibrar cuidadosamente as obrigações profissionais com a necessidade de ser sensível e recetivo às suas necessidades;

·    capacidade de assessorar, aconselhar, consultar e orientar outras pessoas em assuntos relativos às responsabilidades atribuídas ao serviço ao cliente e aos padrões estabelecidos de serviço ao cliente;

·    demonstrar respeito pelas diferenças culturais, justiça e capacidade de se relacionar bem com pessoas de diferentes origens, nacionalidade, sexo, etnia, raça e religião;

·    compreensão de diversas visões culturais, especialmente as da África Ocidental, com sensibilidade às diferenças de grupo; capacidade de desafiar preconceitos e praticar tolerância e empatia;

·    capacidade de ouvir atentamente, considerar as preocupações das pessoas e aplicar bom senso, tato e diplomacia;

·    capacidade de trabalhar em um ambiente interativo diversificado e inclusivo que se beneficia de diversos pontos fortes;

(...)

 

Aceda a informação adicional, em linha, em: https://bit.ly/2y0CEFk