Camões

Centro de Língua Portuguesa


Cidade da Praia - Cabo Verde

[1999 - 2020]

Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento - Analista na área da Paz e Coesão Social
Maputo - Moçambique

[É exigido o domínio proficiente da língua inglesa. O domínio proficiente da língua portuguesa será um fator preferencial.]

 

Com o apoio do Governo do Japão, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), em parceria com o Governo de Moçambique (GoM) e organizações da sociedade civil (OSC), unirá esforços para atender às necessidades de recuperação, fortalecimento da resiliência e desenvolvimento de coesão social e desenvolvimento. manutenção da paz em áreas específicas de Cabo Delgado. As intervenções do PNUD dentro desta iniciativa e apoio realizarão um componente robusto de avaliação e análise de conflitos, apoio institucional e apoio aos meios de subsistência para a coesão social com base na abordagem do PNUD 3X6 para gerar renda imediata e conectar pequenos negócios com mercados e mecanismos locais de financiamento. O PNUD e os parceiros buscarão melhorar o apoio à conscientização sobre a prevenção da violência e fortalecer a preparação e resposta a conflitos / violência no nível da comunidade.

Dada a natureza do assunto abordado, o Projeto trabalhará com várias instituições e entidades, incluindo instituições governamentais, organizações não-governamentais e organizações da sociedade civil, nos níveis central e descentralizado. Este projeto também está totalmente incorporado e em sinergia com outras intervenções do PNUD em Cabo Delgado e além, promovendo através de intervenções semelhantes as necessidades de resiliência e coesão social das comunidades em todo o país. Os parceiros institucionais mais diretos para este projeto serão o Ministério da Administração Estatal e da Função Pública, bem como o Ministério do Interior. O prazo do projeto é o período entre 2020 e 2022.

[...]

Habilidades e Experiência Necessárias

Educação:

  • Mestrado ou equivalente em Relações Internacionais, Administração Pública, Economia, Ciências Políticas ou outros campos relacionados;

  • A certificação em Gerenciamento de Projetos será um ativo.

 

Experiência:

  • Mais de 2 anos de pós-mestrado, experiência relevante na área de governança democrática, em nível nacional ou internacional, na prestação de serviços de apoio operacional, monitoramento e avaliação de projetos de desenvolvimento;

  • A experiência de trabalho em projetos de coesão social ou prevenção de conflitos pode ser um ativo, mas não obrigatório;

  • Capacidade de trabalhar e obter resultados em um ambiente multicultural, direcionado pela demanda, sensível e, às vezes, estressante;

  • Experiência no uso de computadores, multimídia, sistemas de gerenciamento baseados na web.

 

O prazo para apresentação de candidaturas está aberto até ao próximo dia 27 de julho.

 

Aceda a informação adicional, em linha, em: https://bit.ly/30wcXXD .