Camões

Centro de Língua Portuguesa


Cidade da Praia - Cabo Verde

[1999 - 2020]

Fundação Fé e Cooperação - Técnico(a) Formador(a) do Ensino Secundário – Língua Portuguesa (República da Guiné-Bissau)

 

O Programa de Reforço de Capacidades do Sistema Educativo (PRECASE) da Guiné-Bissau 2019-2023 visa o “Aumento dos padrões de qualidade da educação e da aprendizagem nos subsistemas pré-escolar, ensino básico e secundário na Guiné-Bissau,” tendo a Fundação Fé e Cooperação (FEC) como requerente, ONGD portuguesa, especialista em educação e presente de forma ininterrupta na Guiné-Bissau desde 2001. Para a operacionalização do convite lançado pelo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua I.P, a FEC conta igualmente com a expertise científica e técnica da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal (ESE-IPS) e do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa (IE-UL), ambas com várias décadas de experiência na formação e capacitação de recursos humanos no setor da educação, em diversas modalidades (inicial, serviço e contínua) em Portugal e em diversos países de Língua Oficial Portuguesa incluindo a Guiné-Bissau.

 

ESPECIFICAÇÃO PESSOAL

Aptidões

- Consciência intercultural;

- Vocação para o aperfeiçoamento constante;

- Capacidade de automotivação e autoaprendizagem;

- Criatividade e habilidade para trabalhar com recursos limitados; 

- Boa capacidade de decisão;

- Capacidade de gestão de recursos humanos e de gestão do tempo;

- Trabalhar em equipa e comunicar eficazmente com colegas nacionais e expatriados;

- Capacidade de trabalhar sob pressão, autonomamente e com supervisão reduzida;

- Orientado para a obtenção quotidiana de resultados;

- Capacidade de adaptação a meios inóspitos;

- Flexível no desempenho das suas funções;

- Carta de condução de veículos ligeiros e motociclos (preferencial).

 

Conhecimento

- Falante nativo de Língua Portuguesa, apresentando domínio escrito e falado;

- Formação Superior na área da Língua Portuguesa; 

- Domínio das técnicas de ensino-aprendizagem da língua e cultura portuguesa em contexto de aprendizagem do português língua não materna ou língua estrangeira; 

- Formação Pedagógica de Formadores; 

- Microsoft Office;

 

Experiência 

- Experiência de trabalho no setor da educação e da formação (preferencialmente 2 anos);

- Experiência de trabalho em formação de adultos;

- Experiência em gestão da formação (preferencial);

- Experiência em gestão de projetos e/ou equipas de trabalho;

- Experiência de trabalho em países em desenvolvimento, em especial países africanos (pelo menos 1 ano).

 

Compromisso

- Compromisso com a luta contra a pobreza;

- Compromisso com a capacitação das instituições locais, baseada no respeito mútuo e no princípio de parceria;

- Disponibilidade para viajar no país de intervenção, nomeadamente nas regiões previstas no Programa, ou outras, de acordo com as necessidades;

- Compromisso com a filosofia de trabalho da FEC, nomeadamente a Doutrina Social da Igreja e o respeito pelo direito e valores internacionais que estão subjacentes à Declaração Universal dos Direitos Humanos e outros congéneres.

 

Termos de Referência | Formulário de Candidatura​

Candidaturas até 10 de julho de 2020