Camões

Centro de Língua Portuguesa


Cidade da Praia - Cabo Verde

[1999 - 2020]

Programa de Apoio Integrado ao Setor Educativo de São Tomé e Príncipe (PAISE-STP) - Contratação de um Professor-formador de Língua Portuguesa

 

CONTEXTO

A Educação é um setor prioritário de intervenção da Cooperação Portuguesa (CP) no âmbito do apoio prestado ao desenvolvimento de São Tomé e Príncipe. Considera-se que um país não poderá alcançar um desenvolvimento sustentável sem um sistema educativo que permita a formação de quadros humanos indispensáveis para a construção de uma sociedade mais justa, inclusiva, competitiva e sustentável. Perante os grandes desafios de desenvolvimento que se apresentam a São Tomé e Príncipe, a aposta numa educação de qualidade apresenta-se como eixo estrutural de intervenção.

 

PERFIL DO PROFESSOR - FORMADOR

Requisitos obrigatórios

• Licenciatura em Língua Portuguesa conferente de habilitação profissional para a docência no ensino secundário (10ª a 12ª classes) ou equivalente;

• Mínimo de 3 anos de experiência de lecionação da 7ª à 12ª classes ou equivalente;

• Condições legais para ser equiparado a agente da cooperação, nos termos da Lei N.º 13/2004 na redação que lhe foi conferida pelo do Decreto-Lei N.º 49/2018 de 21 de junho: o “Os cidadãos portugueses ou aqueles que tenham residência fiscal em território português que, ao abrigo de um contrato, participem na execução de uma ação de cooperação financiada pelo Estado Português, desde que tenha sido objeto de parecer favorável nos termos do artigo 26.º da presente lei;”

 

Requisitos preferenciais

• Experiência em formação de professores;

• Estudos pós-graduados em ciências da educação nas áreas de: didática e/ou supervisão pedagógica e/ou gestão curricular e/ou avaliação educacional;

 

Outros aspetos valorizados

• Experiência em projetos de Cooperação para o Desenvolvimento;

• Participação em projetos de investigação / formação.

[...]

 

O período de receção de candidaturas decorre entre 8 e 31 de julho de 2020.

 

As candidaturas deverão incluir:

− Curriculum Vitae do candidato

− carta de motivação;

− certificados comprovativos das habilitações mencionadas no n.º 3.

Devem ser enviadas para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. com o assunto “Professor-formador de Língua Portuguesa em São Tomé”.

 

 

Avaliação das candidaturas será feita em duas fases:

1ª fase: avaliação dos Curricula Vitae, dos certificados e das cartas de motivação

2ª fase: entrevistas à distância

 

Aceda a informação adicional, em linha, em: https://bit.ly/2W5lKP1