Camões

Centro de Língua Portuguesa


Cidade da Praia - Cabo Verde

[1999 - 2021]

Camões – Centro de Língua Portuguesa na Cidade da Praia| Proposta elaborada por Djamilsa Cilene Lopes

VISAMAR – Roteiros para a leitura da obra de Eugénio Tavares

wordcloud sonho

Emigração

(A propósito da emigração para S. Tomé e Príncipe)

 

Como é triste e é desolador,
Ver partir, aos magotes, esta gente,
Entregue ao seu destino, indiferente
A tanto sofrimento, tanta dor!

 

Se a sorte ainda traz à terra amiga,
Macilenta, tristonha, depaup’rada,
Com a doença do sono, já minada,
Ao cemitério um só coval mendiga!

 

Mas porque ides, assim arrebanhada,
A essa maldita terra de desterro?
É a fome que vos leva acorrentada?

 

Aproveitai melhor a mocidade
De mais distante, ide à América
A terra do trabalho e da liberdade!
(Orion)


Eugénio Tavares, Poesia Contos Teatro, Biblioteca Nacional de Cabo Verde, 2.ª edição, p.40.



1. Explique os seguintes passos do Texto C:

(a) “Como é triste e é desolador,/Ver partir, aos magotes, esta gente [...] ” (vv.1 e 2)

(b) “De mais distante, ide à A mérica/ A terra do trabalho e da liberdade. ” (vv.13 e 14)

2. Recolha, no Texto C, marcas que evidenciam a Emigração.

3. Mostre o valor da enumeração no Texto C.

4. Recolha informação sobre os movimentos migratórios em Cabo Verde:

- migrações interilhas cabo-verdianas;

- emigração (para destinos como: Portugal, Estados Unidos da América ou Holanda);

- imigração (de origens como: Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Senegal ou Cuba).

 

5. Assinale cinco motivos que expliquem a emigração cabo-verdiana.

6. Analise os seguintes dados do Instituto Nacional de Estatística de Cabo Verde.


Visamar - Roteiros para a Leitura da Obra de Eugénio Tavares| Coordenação: Camões, I.P.| Mariana Faria| 2019